quinta-feira, 26 de junho de 2008

Um cérebro nem sempre inteligente

Ela diz que nunca mais lhe vai falar, e no primeiro momento em que se apanha sozinha, telefona-lhe.
Eu digo que não vou ter saudades dele porque não há nada de que ter saudades, e tenho saudades.
Ela diz que não quer saber das justificações dele para nada, que chegou ao limite da paciência, e fica toda a noite sem dormir à espera de uma mensagem.
Eu às vezes quero e sonho tanto com uma coisa, que acabo com memória fotográfica de momentos que nunca aconteceram.
E gostava de saber que parte idiota do nosso cérebro é que permite que tudo isto aconteça.

12 comentários:

Mafalda Azevedo disse...

Não sei se ajuda, mas o novo visual do blog é o máximo!

:)

P.S. "memória fotográfica de momentos que nunca aconteceram" é algo que me acompanha há anos.

R.L. disse...

é uma parte idiota do cérebro chamada "coração"... conheces? :)

Trindade disse...

ou a "maior" r.l., por vezes...

SMS disse...

É a parte de trás cérebro. A que não deixa andar para a frente e quer-vos só a recuar, como os caranguejos.

Maria Inês disse...

E eu a pensar que era só eu que tinha memória fotográfica de coisas que simplesmente sonhei acordada... Sinto-me um bocadinho melhor agora. (embora tenha a leve sensação de que não há nada de positivo nisso...) =S

rosacuriosa disse...

Identifiquei-me tanto com essa parte da memória fotográfica :)
E a parte do cérebro... é a parte mais que idiota :) *

rosacuriosa disse...

Por me teres deixado a pensar fiz um post... "Majestic" - das tais memórias fotográficas

http://rosacuriosa.blogs.sapo.pt/

Lux Lisbon disse...

essa parte do cérebro é a mais isenta de neurónios...

Rapunzel disse...

Subscrevo...tudo!

Tânia disse...

É tal e qual...
Eu digo muitas vezes "Se fosse comigo, ele havia de ver..."; mas a verdade é que quando é comigo ele não vê nada, sou igualzinha a todas as utras desgraçaditas ... ;)

Beijinho
Adorei o novo visual :)

marta disse...

É verdade. Mas mais vale que a memória fotográfica inventada seja de coisas boas que más. Se for positivo, o cérebro não é assim tão idiota. A realidade é que é.

Parabéns pelo blogue e pelas reflexões.

Nica disse...

Até eu fiquei com a memória fotográfica que fui eu que escrevi isso...e essa parte do cérebro é a parte mais idiota dele....

Parabéns pelo blog, está divinal.